sábado, 5 de dezembro de 2015

"Seus olhos pousaram em Nadjra tempo suficiente para que a camisola revelasse seus deliciosos contornos. Atordoado, desviou o olhar, mas era tarde. Então a olhou mais vez, perdido de desejo. Ainda assim, tentou lutar contra seus pensamentos e anseios. Em vão. Balançou a cabeça, o que só o deixou atordoado e frustrado por não conseguir conter os desejos explícitos em seu corpo, transpirando calor e paixão. Ao lado da mulher que amava estava seu melhor amigo, por quem seria capaz de dar sua própria vida.".

O Segredo da Caveira de Cristal - Livro I
_Mallerey Cálgara




Nenhum comentário:

Postar um comentário